Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A medida do Amor

por Paula Antunes, em 29.04.09

 

"- Sempre desejei saber se era capaz de amar minha mulher como o senhor ama a sua - disse o jornalista Keichiro a meu editor Satoshi Gungi, enquanto jantávamos.

 

- Não existe nada além do amor – foi a resposta. - É ele que mantém o mundo girando e as estrelas suspensas no céu.

 

- Sei disso. Mas como vou saber se meu amor é grande o suficiente?

 

- Procure saber se você se entrega, ou se você foge de suas emoções. Mas não faça perguntas como esta porque o amor não é grande nem pequeno; é apenas o amor.

 

Não se pode medir um sentimento como se mede uma estrada. Se você fizer isso, vai começar a comparar com o que lhe contam, ou com o que está esperando encontrar. Desta maneira, sempre vai escutando uma história, ao invés de percorrer seu próprio caminho.”

 

Via Guerreiro da Luz

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 15:34


2 comentários

De estrelaminha a 30.04.2009 às 12:11

bom dia!
o amor é aquilo que quisermos dar por ele. ;-)
excelente texto!
bom fim-de-semana! :D
beijocas

De Paula Antunes a 04.05.2009 às 17:37


Muito bem posto Estrela. O Amor é mesmo aquilo que quisermos dar por ele. E que queiramos sempre dar sem amanhã. :)

Beijos

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



My Way: "Two roads diverged in a wood, and I, I took the one less traveled by. And that has made all the difference"

Paula Antunes


Paula Antunes

"Não estamos a legislar para gentes remotas e estranhas. Estamos a ampliar as oportunidades de felicidade dos nossos vizinhos, dos nossos colegas de trabalho, dos nossos amigos e das nossas famílias e, ao mesmo tempo, estamos a construir um país mais decente. Porque uma sociedade decente é aquela que não humilha os seus membros"

Zapatero


Caleidoscópio LGBT


Pesquisar

Pesquisar no Blog