Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A flor de cinza amor

por Paula Antunes, em 30.10.05
A minha mulher queimou um pequeno pedaço de cartão.
Ele enrolou-se e ficou com o formato de uma flor, lindo, ficou lindo!
Ela ofereceu-mo. Sabia que não ia durar muito, mas era tão lindo; que podia eu
fazer para conservar um pedaço de cinza com aquela forma tão bela?
Queria tanto guardar esta flor.
Percebi então que podia conservá-la. Pegaria nela,
mergulhava com cuidado em verniz e… pronto,
era só esperar que secasse para a guardar.
Não podia nem respirar para cima dela durante este processo.
O verniz, esse era feito com o amor que eu tenho por ti;
e a flor, essa conservo-a no meu coração,
pois uma flor tão bela assim não poderia ser efémera.


Ficará guardada para sempre no meu peito.
Obrigado, minha vida, a flor é linda!

Omar-Te tanto… TANTO!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 00:07


7 comentários

De Chocolover a 02.11.2005 às 12:59

Beijinhos às 2!

De Tita a 31.10.2005 às 19:25

Muito bem...gostei!

De algum a 31.10.2005 às 16:57

Tendo em conta que só faltam 3 dias até que estas coisas se entendem...

De Mallika a 31.10.2005 às 16:00

:)...

De Scorpio_Angel a 31.10.2005 às 14:39

Quase nunca te sei dizer o que quero nestes momentos... aceita-o no meu olhar, meu Amor.

De algum a 31.10.2005 às 14:25

Neste posts uma pessoa fica assim a modos que sem jeito. Por isso, vou tentar disfarçar!!!
Boa tarde! A Guini pode ir brincar?
Prontessssss

De indigo des urtigues a 31.10.2005 às 13:54

Lindo :)

Que posso eu dizer? Q fiquei com um sorriso ao ler este post :)

Beijinhos para vocÊs!!:)

Comentar post



My Way: "Two roads diverged in a wood, and I, I took the one less traveled by. And that has made all the difference"

Paula Antunes


Paula Antunes

"Não estamos a legislar para gentes remotas e estranhas. Estamos a ampliar as oportunidades de felicidade dos nossos vizinhos, dos nossos colegas de trabalho, dos nossos amigos e das nossas famílias e, ao mesmo tempo, estamos a construir um país mais decente. Porque uma sociedade decente é aquela que não humilha os seus membros"

Zapatero


Caleidoscópio LGBT


Pesquisar

Pesquisar no Blog