Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A propósito de "relações abertas"

por Paula Antunes, em 23.11.05
Esta é a transcrição de um post que coloquei no Fórum da rede ex aequo sobre este tema:


Como diz a letra: "A Confiança é mais importante que a monogamia".

Entre duas pessoas (como se costuma dizer) maiores e vacinadas, o que conta é o Amor, o Respeito, a Confiança. Cada um sabe de si e se são felizes assim, pq não? Não me chateia nada. Sobretudo incomodam-me os juízos de valor de quem tem opiniões diferentes.
Não estamos todos aqui a tentar que exista mais tolerância? Não deveria ser só em relação à homossexualidade.

Quanto a esses relacionamentos estarem condenados logo à partida, não concordo nada. Conheço casos de relações abertas que duraram e duram - em que sempre houve muito Amor, muita dedicação e muita Sinceridade. E casos de relações "fechadas" que houve traição, engano, etc etc... Tem mais a ver com o carácter da pessoa e nao com a sua escolha neste topico.

Quanto a mim, sou ciumenta, sim. Não desejo ver a minha Mulher (e este minha Mulher nada tem de possessivo) com outra. Mas valorizo sobretudo a sua honestidade e sinceridade.

Portanto, se querem uma relação aberta, certifiquem-se somente que têm "a vacina em dia"


E vocês? :)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 00:02


4 comentários

De karkataka a 03.12.2005 às 03:07

Estou a ver que não é assim tão fácil discutir este tema.

De helenamar a 23.11.2005 às 18:45

O mito da monogamia. Condição culturalmente imposta que deve muito à tradição judaico-cristã. As vossas mães e ou as vossas avós não vos ensinaram? Ao homem tudo se admite, é homem, mas uma mulher tem de se dar ao recato, senão, é puta. Por isso, muitas preferem relações de mentira a relações abertas. Claro que dói pensar que o nosso amor está a ser beijado, tocado, possuído, por outra pessoa que não sejamos nós, mas como dizia o poeta, ninguém é de ninguém. Só quando toda a gente perceber isto se poderá viver plenamente a liberdade de uma relação aberta para o universo infinito.

De Kacau a 23.11.2005 às 17:57

Olá :)

Bem eu concordo com o que disseste e acho que as pessoas se deviam deixar de hipocrisias como tu mesma disseste conheces relações abertas com muita sinceridade, paixão, amor que duraram e outras fechadas em que houve enganos e traições...aí está, acho que se diz tudo nisto. O problema é que as relações abertas são sempre alvo de críticas dizendo-se que é só sexo e bla bla bla. Eu pessoalmente não concordo e aplaudo quem não tem preconceitos em relação a estas situações e acho que cada um sabe de si... Na minha experiência pessoal, se pudesse voltar atrás, tinha optado mil vezes por este tipo de relações;

Beijinho grande.

De Mallika a 23.11.2005 às 02:33

A última vez que vi no meu boletim de vacinas estava tudo em dia.
----Como tu já sabes, eu concordo contigo, acredito realmente que a honestidade e a sinceridade (como traços de carácter) são dos valores mais importantes (em qualquer tipo de ralação).
----Aprendi isto com o tempo e da pior maneira, mas aprendi.---------Omar-Te

Comentar post



My Way: "Two roads diverged in a wood, and I, I took the one less traveled by. And that has made all the difference"

Paula Antunes


Paula Antunes

"Não estamos a legislar para gentes remotas e estranhas. Estamos a ampliar as oportunidades de felicidade dos nossos vizinhos, dos nossos colegas de trabalho, dos nossos amigos e das nossas famílias e, ao mesmo tempo, estamos a construir um país mais decente. Porque uma sociedade decente é aquela que não humilha os seus membros"

Zapatero


Caleidoscópio LGBT


Pesquisar

Pesquisar no Blog