Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Só espero que não seja genético!

por Paula Antunes, em 27.12.06
Há um tópico no fórum da rede ex aequo que se chama "Curiosidades sobre nós...". Após ter respondido lá, não resisto a partilhar aqui o meu post como alerta para futuros pais:


"Fui uma criança "terrível". Não havia coisa que me despertasse curiosidade que eu não tivesse que compreender. Logo, algumas das "curiosidades" foram:

- Abri ambas as portas do carro da minha mãe (em andamento) e sentei-me no meio porque queria descobrir se era possível ser projectada do carro ou não. Tinha 4 ou 5 anos.

- Destravei o carro do meu padrinho (com ele, a minha madrinha e os meus pais lá dentro), porque queria saber para que servia aquela coisa entre os bancos. Tinha 2 anos e tal.

- Derreti dezenas de lápis de cera no meu aquecedor (metálico) do quarto, pois desejava confirmar se a cera era idêntica à das velas e se a cor era relevante na sua constituição. Quando a minha mãe entrou e notou o cheiro, expliquei-lhe que se tratava de uma experiência cientifica (estava a estudar ciências da natureza). Tinha uns 12 ou 13 anos.

- Peguei na coleção de K7s do meu pai e desenrolei a fita de todas elas. Queria saber a quantos metros correspondia 1 minuto de música (em fita). Os meus pais complementaram o meu conhecimento, fazendo-me aprender a voltar a enrolar todas as fitas com uma caneta. Tinha 6 ou 7 anos.

- Subia a minha escadaria para o sotão sem nunca colocar um pé numa escada (só através do corrimão e parede de apoio). Queria estar apta a fazê-lo no caso de algum dia as escadas cairem e precisarmos de ir ao sotão com urgência. Depois tornou-se simplesmente um hábito. Fiz isto dos 13 aos 17 anos.


(Tenho dezenas deste género, mas vou deixar só mais uma:)


- O meu avô ofereceu um spray à minha mãe (numa altura em que o meu pai por vezes não dormia em casa devido ao trabalho). A minha mãe decidiu colocá-lo no topo de um móvel de sala (com uns 2 m e tal). Ninguém me explicou para que servia (excepto que era para protecção).

Trepei pelo móvel (entre prateleiras, bar e tv) - até hoje não sei como é que aquilo não me caiu em cima, pois estava mal apoiado - até agarrar o spray e o trazer para baixo. Observei-o atentamente e reparei num pequeno orificio. Quando o aproximei da vista para perceber melhor de que se tratava, carreguei na parte de cima e um jacto foi projectado para os meus olhos (e óculos, felizmente).

O ardor era insuportável, o que me levou a correr para a rua gritando a plenos pulmões: "SOCORRO!! VOU MORRER!". Como não via bem limitei-me a correr em círculos para não embater em nada. Várias pessoas alarmadas, e sem compreenderem o que se passava (uma vez que eu não dizia outra coisa), foram chamar a minha mãe à cabeleireira onde ela se encontrava a fazer uma permanente.

Uma estupfacta e alarmada mãe, com metade do cabelo esticado e outra metade encaracolado, agarrou em mim (depois de finalmente perceber que me tinha auto-flagelado com spray-pimenta) e enfiou-me a cabeça debaixo de um jacto de água gelada até o ardor passar (só um pouco).

Foi dificil de lhe explicar a razão desta "experiência cientifica", mas como consequência os meus pais nunca mais tiveram qualquer arma (mesmo que aparentemente segura) na nossa casa. Tinha 8 anos."

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 16:38

Eu Amo-te assim mesmo! LOL

por Paula Antunes, em 22.12.06
Não resisto a embaraçar a minha mulher (e a mim também, provavelmente). É que a SMS que acabei de receber é boa demais para não o fazer... devilish.gif</a>

"Querida, se não quiseres sopa com o resto das tripas ou bacalhau à Gomes d Sa, para o jantar, diz agora ou cala-te até amanhã. Omar Teu"

Já sabem, se este for o meu último post, é porque a Sofia não achou tanta piada à partilha como eu... curtain.gif</a>

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 18:53

Relax Time - II

por Paula Antunes, em 22.12.06
Só para fãs de jogos estilo Elasto mania
(ou para jogar com amig@s e se fartarem de rir do talento uns dos outros) :-D


Elasto_Mania.jpg</a>



Em flash, deixo-vos o Adrenaline Challenge.


PS. Depois não digam que não avisei. ;-)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 18:21

It's fun to...

por Paula Antunes, em 20.12.06
Bónus de bom humor para os leitores regulares :-D

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 16:24

(whisper) Tenho uma coisa para te dizer...

por Paula Antunes, em 19.12.06


Into My Arms

I don't believe in an interventionist God
But I know, darling, that you do
But if I did I would kneel down and ask Him
Not to intervene when it came to you
Not to touch a hair on your head
To leave you as you are
And if He felt He had to direct you
Then direct you into my arms

Into my arms, O Lord
Into my arms, O Lord
Into my arms, O Lord
Into my arms

And I don't believe in the existence of angels
But looking at you I wonder if that's true
But if I did I would summon them together
And ask them to watch over you
To each burn a candle for you
To make bright and clear your path
And to walk, like Christ, in grace and love
And guide you into my arms

Into my arms, O Lord
Into my arms, O Lord
Into my arms, O Lord
Into my arms

But I believe in Love
And I know that you do too
And I believe in some kind of path
That we can walk down, me and you
So keep your candles burning
And make her journey bright and pure
That she will keep returning
Always and evermore

Into my arms, O Lord
Into my arms, O Lord
Into my arms, O Lord
Into my arms

Nick Cave And The Bad Seeds</center>

Para ti, minha sempre...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 03:40

Só porque te Amo perdidamente..

por Paula Antunes, em 14.12.06


In your arms I can still feel the way you
want me when you hold me
I can still hear the words you whispered
when you told me

I can stay right here forever in your arms

And there ain't no way
I'm letting you go now
and there ain't no way
and there ain't no how
I'll never see that day.....

'Cause I'm keeping you
forever and for always
we will be together for all our days
wanna wake up every
morning to your sweet face - always

Mmmm, baby
in your heart - I can still hear
a beat for every time you kiss me
and when we're apart,
I know how much you miss me
I can feel your love for me in your heart

And there ain't no way
I'm letting you go now
and there ain't no way
and there ain't no how
I'll never see that day...

I wanna wake up every morning

In your eyes
I can still see the look of the one
who really loves me
The one who wouldn't put anything else
in the world above me
I can still see your love for me in your eyes

And there ain't no way
I'm letting you go now
and there ain't no way
and there ain't no how
I'll never see that day...

I'm keeping you forever and for always
I'm in your arms




Shania Twain - Forever and for always</align>

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 21:00

Concerto de Solidariedade da Abraço

por Paula Antunes, em 07.12.06
No âmbito das comemorações do Dia Mundial Contra a SIDA, a Casa da Música oferece à Abraço um Concerto de Solidariedade, no dia 16 de Dezembro, pelas 21 horas na Sala Suggia, pela Orquestra Nacional do Porto.
Os bilhetes custam 15€ e podem ser adquiridos na bilheteira da Casa da Música.



Mais informações em:

http://www.casadamusica.com/
http://www.abraco.org.pt/

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 13:13

«Do outro lado do Atlântico»

por Paula Antunes, em 02.12.06
Acho que é desta que aproveitamos para revisitar o pessoal de Aveiro... :)

Sete artistas cubanos expõem na Universidade de Aveiro, de 27 de Setembro a 20 de Dezembro. A exposição reúne obras de sete artistas cubanos com carreiras internacionais e créditos firmados.

Estes artistas propõem-nos diferentes viagens ao imaginário e às realidades de Cuba.

Aisar Jalil, na pintura; Carlos Estevez, pintura, escultura e instalação; Elsa Mora, pintura, gravura e fotografia; Estério Segura, com trabalhos de desenho e escultura; René Francisco, instalação; René Peña, fotografia e Roberto Diago, na pintura mostram diferentes obras e abordagens artísticas que poderão ser contempladas em vários espaços do campus universitário durante os três meses de exibição.

A organização está a cargo da UA em parceria com a Galeria Sacramento – Aveiro, onde estará patente, em simultâneo, de 30 de Setembro a 30 de Novembro, um núcleo mais pequeno e ilustrativo da mesma exposição.


Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado às 17:05


My Way: "Two roads diverged in a wood, and I, I took the one less traveled by. And that has made all the difference"

Paula Antunes


Paula Antunes

"Não estamos a legislar para gentes remotas e estranhas. Estamos a ampliar as oportunidades de felicidade dos nossos vizinhos, dos nossos colegas de trabalho, dos nossos amigos e das nossas famílias e, ao mesmo tempo, estamos a construir um país mais decente. Porque uma sociedade decente é aquela que não humilha os seus membros"

Zapatero


Caleidoscópio LGBT


Pesquisar

Pesquisar no Blog